quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

TRECHO DO LIVRO "PAISAGEM AMENA DA SEGUNDA JANELA" - em andamento

Tem um estranho sussurrando em meu ouvido: Acorde! Acorde!
Mas eu não quero acordar. Em sonho, eu havia visitado todos os seres místicos e corpos vulneráveis que me levariam até você.
Um deles, tal de Jack Roll, andou se queixando do meu comportamento no sonho anterior.
"Eu não posso negar que estive doente. Veja, a minha garganta ainda parece um pouco vermelha."- eu disse à ele, mas de nada adiantou. Ele queria porque queria me chamar de amor. Vê se pode? Um completo desconhecido mal encarado como ele era, agora dando para ser meu amante sonhado-sonhador. Eu eu na inocência, tomando banho de banheira e fumando um cachimbo da paz.